Tagged: quaresma RSS

  • SNIEAB 16:36 on 17/02/2017 Permalink | Responder
    Tags: Domingo de Ramos, quaresma, Rede Ambiental da Comunhão Anglicana, Rede Lusófona da Comunhão Anglicana, Sustentabilidade Ambiental, Trinity Church WallStreet, Whather Justice   

    Recursos para Observar na Quaresma e no Domingo Ramos 

    A Rede Ambiental da Comunhão Anglicana lançou um material voltado para uso durante a Quaresma/Domingo de Ramos. Consiste em “Reflexões sobre a Água da Vida: Meditações para os Cinco Domingos da Quaresma e o Domingo de Ramos”  e o “Calendário de Jejum para a Quaresma”.

    Os recursos em português foram partilhados generosamente pela Rede Lusófona da Comunhão Anglicana e tem apoio do Wather Justice/Trinity Institute 2017 & Trinity Church Wall Street.

    ACESSE: Água da Vida – Guia de Estudo para os Domingos da Quaresma e Jejum de Carbono Quaresma 2017

     
  • SNIEAB 10:47 on 18/02/2015 Permalink | Responder
    Tags: , CINZAS, quaresma   

    Mensagem de Quaresma do Bispo Primaz: “De quem somos anjos?” 

    “E os anjos o serviam” Mc 1,13

    Minha última viagem a Londres tem me trazido a oportunidade de refletir sobre as pessoas que carregam consigo as marcas da rejeição e da exclusão. A Consulta sobre o tema da superação da violência sexual contra as mulheres e a experiência de assistir um morador de rua chorando por ajuda acompanhado de seu fiel cão de estimação numa das ruas do centro financeiro londrino me fizeram aprofundar ainda mais um senso de deserto que percebo em nossa sociedade. O deserto é solidão, carregada de temores e de dores. O próprio Jesus viveu a experiência do deserto e precisou ser confortado pelos anjos. Para ele, o teste da resiliência lhe exigiu a própria exaustão física e também espiritual. Sua fidelidade ao Pai, no entanto, foi compensada pela ajuda dos anjos (Mc 1,13).

    Então aqui vai a pergunta que não quer calar: de quem temos sido anjos? Estamos cercados de tanta gente que vive um deserto pessoal, em meio aos desafios da sobrevivência, encalacrados num sistema que tudo consome e que pouco dá em troca; e quando dá, geralmente não é coisa perene.

    O que temos feito diante disso? Estamos sendo anjos de verdade? Quando foi a última vez que tivemos a sensibilidade de nos incomodar com a injustiça? Estamos realmente prontos para o exercício da solidariedade para com as pessoas excluídas? Faz parte da cultura de nosso sistema as pessoas demonstrarem que estão bem, que são bem sucedidas, que estão sempre em ascensão….

    No fundo a realidade não é assim. Nossas ruas e praças estão cheias de pessoas que vivem um terrível deserto. Eu não vou enumerar aqui os grupos porque são numerosos. Até os vemos, mas instintivamente não os enxergamos. Podemos ser anjos e levar conforto e autoestima a essas pessoas, lutar por seus direitos e ser voz para as pessoas silenciadas. Transmitir a elas o amor de Deus. Levar as Boas Novas.

    Que esta Quaresma se converta em período de profunda avaliação de nossa missão no mundo. Que possamos entender o verdadeiro significado da Cruz assinalada em nossa testa com cinzas. Que possamos nos sentir a inequívoca interdependência com nossos semelhantes e que possamos servi-los e confortá-los como sempre desejamos que nos façam a nós quando vivemos os nossos próprios desertos.

    A Igreja existe para servir o mundo. Vamos nos tornar anjos?

    ++Francisco

    Bispo Primaz da IEAB

     
  • SNIEAB 14:42 on 07/03/2014 Permalink | Responder
    Tags: , quaresma   

    Tempo de Quaresma na IEAB 

    Mensagem de Quaresma do Bispo Primaz

    Santa Maria, 07 de março de 2014

    E não vos conformeis com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus. Rom 12,2

    Uma das possíveis – entre outras – conotações da Quaresma é a de que ela representa o retiro de Jesus no deserto antes de seu ministério público ser iniciado. Foi um período de enfrentamento das tentações e – garante-nos o depoimento dos evangelhos – que ele venceu cada uma com serenidade calcada na vontade de Deus.

    Para nós cristãos em pleno século 21, é desafiador viver o retiro espiritual no meio dos enfrentamentos dos modernos demônios que estão sempre a nos desafiar em nossa fé e compromisso com o Reino de Deus. Vivemos tempos em que o discernimento espiritual nosso é turvado a cada instante pelos apelos de uma sociedade consumista, individualista e que premia apenas aqueles que se submetem às sua sutis sugestões.

    identificar-se com Cristo em suas tentações é ter a coragem de dizer não, firme e rotundo contra a banalização da vida. É não ter medo de fugir do efeito manada que leva tantas pessoas a perder a capacidade de enxergar alternativas à lógica diletante do sistema no qual estamos inseridos. Significa também a busca da transformação e renovação do entendimento.

    Viver a Quaresma é reagir à uma espiritualidade de mercado, onde Deus se torna um bem a ser possuído em função de nossas conveniências de ocasião. A Quaresma, considerada como tempo de reflexão e reconhecimento de nossa natureza mais profunda, nos impele a buscar a comunhão mais profunda com o fundamento de nosso ser.

    Quando somos capazes de viver o deserto, estamos aptos a identificar nossos limites e nossas sombras, re-significando a vida e nos tornando mais inteiros, íntegros e sensíveis. E, ao fazermos isto, não estamos sozinhos. Cristo venceu o deserto e ali estará para fazer companhia quando os medos chegarem ao nosso coração. Seremos capazes de escutar suas palavras: “no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo. João 16,33

    A Quaresma nos leva ainda além. Nos leva a depender cada vez mais de Deus e retira de nós qualquer auto-suficiência. É nesse momento que nossas tentações são vencidas porque somos capazes de entender suas armadilhas argumentativas . Tornamos reais em nossa vida as palavras de Paulo: Porque quando estou fraco então sou forte. 2 Coríntios 12,10

    Nossos olhos, a partir de nossa fraqueza, se abrirão para a compaixão pelo mundo, pelos fracos, pelos excluídos, pelos que sofrem, dando-nos a coragem necessária do testemunho de justiça e paz! Quando percebermos a solidez de nosso fundamento divino, pelo retiro e pela oração, seremos impulsionados a anunciar com alegria as Boas Novas!

    Que nossa IEAB viva uma abençoada Quaresma!

    ++ Francisco de Assis da Silva

    Primaz do Brasil e Diocesano em Santa Maria

     
  • SNIEAB 14:31 on 14/02/2013 Permalink | Responder
    Tags: , Liturgia Anglicana, quaresma,   

    Preparação para Quaresma, Semana Santa e Páscoa 2013 

    A Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB) iniciou nessa semana a Quadra da Quaresma. Em muitas de nossas Dioceses realizaram no dia 13 de fevereiro (Quarta-Feira de Cinzas), o Ofício de Imposição de Cinzas.

    Nesse sentido, as comunidades de episcopais (Catedrais, Paróquias, Missões e Pontos Missionários) espalhadas pelo país estão buscando o verdadeiro sentido da Páscoa e o papel da Igreja na Sociedade e na Vida do Povo. As comunidades estão abertas para acolher a todas as pessoas que  buscam vivenciar espiritualmente esse importante período do Calendário Cristão (Veja onde encontrar uma Igreja Episcopal). Todos e todas são convidados (as) observar esse tempo litúrgico.

    Desejamos apresentar dois recursos disponíveis para esse período e estimular o uso durante esse período:

    1- A Diocese Anglicana de Brasília lançou um recurso um devocional litúrgico para ser usado durante a Quaresma de 2013.

    Meditações Quaresma 2013 Diocese de Brasília

    2- Igualmente lembramos que a Comissão Nacional de Liturgia publicou todos os recursos litúrgicos para o período.

    Liturgias Quaresmais IEAB

    Desejamos uma Santa Quaresma para nossa querida IEAB!

     
  • SNIEAB 12:06 on 17/02/2004 Permalink | Responder
    Tags: , quaresma   

    Estudos Bíblicos para a Quaresma 

    A Secretaria Geral, através do seu Departamento de Missão, seguindo recomendação da Câmara dos Bispos, convida toda a IEAB para voltar a sua atenção ao aprofundamento de uma reflexão, que precisa ser contínua, sobre a questão da nossa responsabilidade cristã, que envolve também o entendimento bíblico da prática da contribuição regular e do dízimo.

    E também cabe refletirmos essa questão, tendo em vista que em 2005 faremos 40 anos como Igreja autônoma, ou seja, 40 anos que nos emancipamos da Igreja norte-americana.

    Assim, aproveitando os excelentes estudos elaborados pelo Rev. Ramacés Hartwig, da Diocese Anglicana de Pelotas, produzidos a partir da preciosa e didática Carta Pastoral da Quaresma 2002 redigida pelo Bispo Diocesano Dom Sebastião Armando Gameleira Soares, estamos disponibilizando no site da IEAB, duas séries de estudos, sendo:

    Série 01: 04 (quatro) estudos produzidos para uso na Campanha Nacional de maio/2003, Mês da Responsabilidade Cristã;

    Série 02: 10 (dez) estudos produzidos para uso na Quaresma 2003 na Diocese Anglicana de Pelotas.

    Se você e/ou sua comunidade não tem acesso à internet, solicite-nos o material via fone 51-3318.6200, ramal 216, ou via endereço postal:

    Departamento de Missão
    Caixa Postal 11510 – Teresópolis
    90870-970 – Porto Alegre – RS

    Agradecemos a Dom Sebastião Armando e ao Rev. Ramacés, pela solicitude de nos disponibilizar essas preciosas contribuições.

    Desejamos e esperamos que esses estudos, que poderão ser adaptados à realidade de cada comunidade de nossa IEAB, sirvam como subsídios para que continuemos nessa caminhada de descobrirmos conjuntamente o jeito bíblico de cumprirmos nossa responsabilidade diante de toda a Criação, e, particularmente, da Igreja da qual somos membros.

    -

    Christina Takatsu Winnischofer

    Secretária Geral da IEAB

     
c
escrever um novo post
j
próximo post/próximo comentário
k
post anterior/comentário anterior
r
responder
e
editar
o
mostrar/esconder comentários
t
topo
l
go to login
h
show/hide help
esc
cancelar