PROVÍNCIA CRIA GRUPO EXECUTIVO PARA LIDERAR A CONFELÍDER 2018

No dia 27 de junho, através de um vídeo conferência, estiveram reunidas com o Bispo Primaz Dom Francisco Silva e com o Secretário Geral Reverendo Arthur Cavalcante, a Comissão Nacional de Diaconia (CND), Serviço Anglicano de Diaconia e Desenvolvimento (SADD), Centro de Estudos Anglicanos (CEA) e o Grupo de Apoio ao Primaz (GAP). O motivo de encontro foi cumprir um mandato oriundo da reunião presencial do Conselho Executivo do Sínodo (abril de 2017) para que a Província construísse um Grupo Executivo Nacional para preparar e liderar a CONFELÍDER 2018.

O principal encontro da Igreja Anglicana ocorrerá entre os dias 30 de maio à 03 de junho de 2018, em Brasília/DF. É  prevista a presença de 114 pessoas (Bispos, Clérigos e Leigos). Também de pessoas convidadas de outras províncias anglicanas, parceiras de organizações internacionais de diaconia/serviço e ecumênicas.

O Sínodo de 2013 (Rio de Janeiro) apontou a Diocese Anglicana de Brasília (DAB) para sediar esse que é o grande evento da Igreja do Brasil. Será a primeira vez que um Sínodo Geral ocorrerá na chamada Área 3 da Igreja Episcopal que contempla uma grande região geográfica e também missionária: Diocese Anglicana do Recife, Diocese Anglicana de Brasília, Diocese Anglicana da Amazônia, além do Distrito Missionário Anglicano.

O Bispo Primaz destacou que a CONFELÍDER tradicionalmente tem uma dinâmica própria, necessitando assim de um grupo coordenado com seguintes requisitos, a saber: conhecimento sobre a Igreja e das tensões teológicas, a confiança da Igreja, com um perfil agregador e pedagógico, e uma liderança em sintonia com a Primazia e com a Secretaria Geral.

Após uma avaliação dos grupos representados ali sobre as dinâmicas das últimas CONFELÍDERES e igualmente da atualização dos trabalhos da Igreja sobre Sexualidades e Famílias, chegou-se a um consenso que o Grupo Executivo será formado por três membros das áreas provinciais: Reverendo Pedro Triana (CEA/Área 2), Reverenda Marinez Bassotto (CND/Área 1) e Dra. Bianca Daebs (GAP/Área 3).

A Reunião apontou os seguintes passos a serem dados:

  • Retomar com GAP/CND/CEA a ideia de realização do vídeo de sensibilização;
  • Informar aos senhores bispos diocesanos que além deles, o público alvo das CONFELÍDERES diocesanas é a Delegação Diocesana ao Sínodo, Contato diocesano do SADD, Representante do CET diocesano, representantes da UMEAB, juventude, todo o clero diocesano, comissões de incidência pública (diaconia/ação social).
  • Fazer uma previsão das assessorias para as CONFELÍDERES diocesanas (lembrando que essas assessorias estarão a cargo da equipe organizadora – CND, GAP e CEA). Para cada CONFELÍDER no mínimo 2 assessores(as).
  • Para ajudar a direcionar os trabalhos das CONFELÍDERES DIOCESANAS será emitido pelo GAP e Grupo Executivo o Documento Referência que trará subsídios para as discursões e dinâmicas.

A Secretária Geral solicita que as Dioceses enviem as datas de suas CONFEDERES 2017 para que o Grupo Executivo agende as assessorias de trabalhos e inicie os contatos com os bispos.   As seguintes dioceses já marcaram as suas datas: Diocese Sul Ocidental para os dias 18-19 de agosto e Diocese Meridional para o dia 04 de novembro.