IEAB na Comissão Executiva da Rede Ambiental da Comunhão Anglicana

Em Chaclacayo, nos arredores de Lima, entre dos dias 4 e 11 de agosto, aconteceu o segundo encontro da Rede Ambiental da Comunhão Anglicana –RACA (Anglican Communion Environment Network –ACEN).  O evento contou com a participação dos delegados e das delegadas de diferentes países: Argentina, Austrália, Bangladesh, Brasil, Canadá, Estados Unidos, Inglaterra, Ilhas Fiji, Madagascar, México, Peru, Sri Lanka e Tanzânia.  Cada representante apresentou um reporte da situação ambiental do seu respectivo país, as políticas ambientais implementadas pelas Dioceses, o estado da situação dos debates ambientais pelas Províncias e finalmente, um comentário sobre as experiências de atividades ambientais bem mais sucedidas pelas respectivas paróquias.


Entre os principais objetivos, além de reativar e articular oficialmente a rede, o encontro propiciou um espaço para discutir iniciativas ambientais locais, estratégias regionais sobre os efeitos do aquecimento global nas populações, as políticas efetivas e não efetivas sobre a redução das emissões de poluentes, agricultura sustentável e as diversas práticas para o fomento da Justiça Ambiental. Igualmente, houve oportunidade para discutir e estabelecer acordos e posicionamentos bem mais claros com relação às conseqüências das mudanças climáticas para a Conferência das Partes do Protocolo de Kyoto –COP 17 que acontecerá em Durban no próximo mês de dezembro.
 A IEAB foi representada pelo Prof. Dr. David Morales, da Diocese Anglicana de São Paulo. No reporte apresentado, o representante brasileiro fez ênfase no problema do desmatamento presente nos três principais ecossistemas do país (Amazônia, Mata Atlântica e Cerrado); a desertificação e o degradação ambiental causado pela prática insustentável dos monocultivos e das chamadas “plantações de picanha” (devastação de florestas para o estabelecimento de pastagens para gado de corte visando mercado internacional) ; e o continuo crescimento da poluição nas cidades. Diante disso, está o desafio da Província de articular estratégias para estabelecer oficialmente políticas ambientais nas paróquias.


A Secretaria Geral da IEAB, em breve, irá articular a criação de um Grupo de Trabalho (GT), para assessorar a Província nas questões de justiça socioambiental. Igualmente caberá ao GT promover diálogos entre as dioceses/distrito missionário sobre as ações envolvendo o meio ambiente e provocar  articulações com a Rede Anglicana e Ações Ecumênicas. 
Durante as atividades do planejamento estratégico, o representante da Província Brasileira foi indicado para ocupar uma das três cadeiras da Comissão Executiva da Rede para os próximos anos. Isso se deve ao fato do Prof. David Morales atuar no meio acadêmico como pesquisador das negociações internacionais relacionadas com o Meio Ambiente e com a Não Proliferação de Armas Nucleares.   A Declaração final do encontro de Lima será divulgada em breve, uma vez seja aprovada pelas instâncias da Comissão Organizadora do evento e da nova Comissão Executiva da RACA (ACEN).

-

Reverendo Arthur Cavalcante+

Secretário Geral da IEAB