CLAI e Igrejas realizam visita a Honduras

O CLAI – Conselho Latino americano de Igrejas, juntamente com uma equipe de pessoas que representam organismos ecumênicos estão em Honduras para realizar o evento anual das famílias confessionais e aproveitar a oportunidade para realizar uma visita pastoral à Honduras que vive uma tensa situação.
Ao todo serão 16 pessoas representando o CLAI, CIEMAL – Conselho das Igrejas Metodistas da América Latina, FLM – Federação Luterana Mundial e organizações da Suiça.
O objetivo da visita é mergulhar na realidade crítica que vive o país neste momento e ouvir o que tem a dizer as Igrejas e organismos de defesa de direitos humanos. A partir dessa escuta, pretendem os visitantes estudar caminhos de contribuição das Igrejas e organismos ecumênicos para o processo de reconciliação nacional.
A visita está acontecendo de 28 de setembro até o próximo dia 02 de outubro e contará com um encontro com lideranças religiosas daquele país para uma capacitação no tema da resolução de conflitos. Também será realizada em El Salvador – país vizinho à Honduras – uma mesa de discussão sobre a fragilidade democrática na América Latina e a contribuição protestante para as situações de polarização.
A Secretaria Regional do CLAI Brasil pede a todas as Igrejas e organismos ecumênicos que orem por essa iniciativa, pedindo a Deus que o processo de reconciliação em Honduras aconteça para o bem de todo o povo.
-
Rev. Cônego Francisco de Assis da Silva
Secretário-Geral da IEAB

O CLAI – Conselho Latino americano de Igrejas, juntamente com uma equipe de pessoas que representam organismos ecumênicos estão em Honduras para realizar o evento anual das famílias confessionais e aproveitar a oportunidade para realizar uma visita pastoral à Honduras que vive uma tensa situação.

Ao todo serão 16 pessoas representando o CLAI, CIEMAL – Conselho das Igrejas Metodistas da América Latina, FLM – Federação Luterana Mundial e organizações da Suiça.

O objetivo da visita é mergulhar na realidade crítica que vive o país neste momento e ouvir o que tem a dizer as Igrejas e organismos de defesa de direitos humanos. A partir dessa escuta, pretendem os visitantes estudar caminhos de contribuição das Igrejas e organismos ecumênicos para o processo de reconciliação nacional.

A visita está acontecendo de 28 de setembro até o próximo dia 02 de outubro e contará com um encontro com lideranças religiosas daquele país para uma capacitação no tema da resolução de conflitos. Também será realizada em El Salvador – país vizinho à Honduras – uma mesa de discussão sobre a fragilidade democrática na América Latina e a contribuição protestante para as situações de polarização.

A Secretaria Regional do CLAI Brasil pede a todas as Igrejas e organismos ecumênicos que orem por essa iniciativa, pedindo a Deus que o processo de reconciliação em Honduras aconteça para o bem de todo o povo.

-

Rev. Cônego Francisco de Assis da Silva

Secretário-Geral da IEAB