II Consulta Nacional sobre Sexualidade Humana

Reunidos entre os dias 06 a 08 de agosto de 2004 no Rio de Janeiro, no Colégio Assunção, em Santa Teresa, para a II Consulta Nacional sobre Sexualidade Humana, cuja temática foi “Sexualidade humana e a fé cristã”, com ênfase no desafio da Inclusividade de pessoas de orientação homossexual, clérigos(as) e leigos(as) anglicanos, de diferentes perspectivas, posicionamentos teológicos, experiências pastorais e vivenciais, debateram o tema proposto num clima de fraternidade, de amor cristão, em sadio confronto de idéias, compartilhando testemunhos, experiências pastorais e reflexões bíblico-teológicas.

As celebrações ficaram a cargo dos capelães, Revda. Inamar Souza e o Rev. Eduardo Grillo, que criaram belíssimos momentos litúrgicos.

Os reverendos Carlos Calvani (Diocese Anglicana de Curitiba) e Raniere Oliveira (Diocese Anglicana do Recife) fizeram duas das três palestras previstas, enfocando o tema a partir de uma perspectiva pastoral. Elas ofereceram dois tipos de visão/entendimento sobre a homossexualidade, dando lugar à diversidade anglicana, que tanto pode ser liberal como conservadora. O terceiro palestrante, Dr. Louie Crew, do movimento Integrity, que viria de Nova Jersey, devido a imprevistos, não pôde comparecer. O mesmo estaria abordando o tema “Ferramentas para o pastoreio de gays e lésbicas”.

Além das palestras, a Consulta foi muito enriquecida pelo painel “Comunidades”, que ofereceu três perspectivas sobre o tema: 1) experiências no pastoreio de gays e lésbicas, 2) experiências de uma comunidade com um pastor de orientação homossexual, e 3) experiências de um pastor gay.

Num outro momento, os participantes puderam ouvir depoimentos de gays anglicanos, de várias partes da província e depoimentos de pessoas que tinham dificuldade para entender e aceitar pessoas de orientação homossexual. Atendendo ao pedido da Câmara dos Bispos, havia sido aberto espaço para se ouvir depoimentos de pessoas que afirmaram ter mudado sua orientação através da igreja, mas até o fechamento da Consulta, não houve manifestações de pessoas interessadas em dar seu testemunho.

Uma celebração eucarística, na Catedral de São Paulo Apóstolo, marcou o encerramento da II Consulta sobre Sexualidade Humana.

Como fruto do trabalho dessa II Consulta, foi elaborada uma declaração dirigida à IEAB, na qual é feito um apelo à unidade provincial, respeitando-se as diferenças e fazendo delas um jardim ofertado a Deus.

A declaração da II Consulta sobre Sexualidade Humana está no Diretório Virtual, seção Documentos.

Foto: Participantes da II Consulta Nacional sobre Sexualidade Humana – Por Rev. Lauri Wollmann

-

Christina Takatsu Winnischofer

Secretária Geral da IEAB